POLÍTICA COMERCIAL RETTA KNOW

Persona ou Público Alvo

O Retta Know - gestão do conhecimento foi criado para aproximar mais a equipe dos benefícios e vantagens que a empresa oferece, tentando explicar de forma clara e detalhada além de ser um canal de informação sobre os produtos e serviços da Retta. 

Uma vez validado este modelo, acreditamos que este aplicativo possa ser comercializado para outras empresas que, assim como a nossa, tem dificuldade de mostrar de forma clara quais são os benefícios oferecidos e como eles funcionam na prática.

Modelo de Comercialização (B2B, B2B2C, B2C)

Atualmente estamos validando o produto internamente na Retta, mas caso venha a se tornar um produto de mercado, entendemos que o modelo comercial será b2b (business to business), sendo vendido diretamente pela Retta para outras empresas.

Customização

O aplicativo permitirá customizações, conforme solicitação do cliente. Contudo, toda solicitação passa obrigatoriamente por uma análise da área técnica e posteriormente é vinculada a uma proposta comercial com prazo de entrega e valor para desenvolvimento.

Esta proposta é repassada ao cliente que decide se assume esse custo ou então rejeita a proposta.

Política de Preços

Por ser um produto novo e ainda não validado internamente, não estamos comercializando. Contudo, existem outros aplicativos similares no mercado (facebook workspace, por exemplo) que comercializam no modelo SaaS (software as a service) e cobram por licença de usuário.

PS. Não estamos comparando o Retta Know, que ainda é um embrião, ao facebook workspace, que é uma plataforma consolidada e que oferece inúmeras funcionalidades a mais que o nosso produto. Apenas queremos referenciar que ambas são ferramentas de suporte ao setor de RH.

Exceções

Todo sistema ou aplicação podem ter exceções comerciais que costumam ser motivadas por dois fatores:

1- patrocinador da ideia: o primeiro cliente que investe no produto e depois fica isento das cobranças mensais;

2- cases de sucesso: os clientes formadores de opinião que podem servir como boas referências para sustentar a qualidade ou maturidade do produto para o mercado e demais clientes.

No caso do Retta Know, o patrocínio foi feito pela Retta e, para ter um cliente piloto é bem provável que tenhamos que adotar a exceção de case de sucesso, “bonificando” um cliente formador de opinião.