Buscar
  • Francini Wahlbrink

Redes 5G: Como alterarão a indústria da tecnologia em 2020

Ao que tudo indica, 2020 será o ano do 5G. A quinta geração de redes móveis já vem ganhando espaço nos Estados Unidos e em outros países desenvolvidos, e está se espalhando pelo mundo todo. Portanto, as companhias de internet e de desenvolvimento de aplicativos para dispositivos móveis já estão se adaptando para sua chegada.

Neste texto, vamos detalhar melhor o que é a tecnologia 5G, que pontos da indústria da tecnologia serão afetados por ela e que tipo de mudanças podemos esperar ainda em 2020. Acompanhe conosco.


O que é a conexão 5G?


De forma bem simples, 5G é o nome dado à quinta geração de conectividade móvel à internet. A evolução da conectividade vem acontecendo cada vez mais rapidamente. A primeira tentativa de fortalecer o uso de dados móveis nos dispositivos foi com o 3G.


Depois, o 4G foi desenvolvido para aguentar o fluxo cada vez maior de informações e mídias circulando em celulares, tablets e outros dispositivos.


Já o 5G vai trazer uma revolução tecnológica muito maior. Não só a velocidade de conexão vai ficar muito maior (a promessa é que os downloads atinjam 20 Gb/s), como ela vai se tornar mais estável. Além disso, a tecnologia 5G será essencial para o desenvolvimento da Internet das Coisas, a grande promessa para a próxima década.


E como isso afetas as indústrias de tecnologia em 2020?


É difícil estabelecer uma previsão exata, mas é difícil que essa tecnologia esteja disponível globalmente ainda esse ano. Isso porque a estrutura de instalação é muito cara. Outro obstáculo é que a maioria dos países busca instalar células menores, que possam se localizar dentro das cidades, mas elas custam ainda mais dinheiro. A chegada da conexão às áreas rurais se configura em outro desafio.


Porém, isso não significa que a indústria da tecnologia não esteja alheia à chegada da conexão 5G nesse ano. Ao contrário; 2020 será o ano em que as companhias tecnológicas vão se preparar para ajudar todos os setores a implantarem a tecnologia 5G assim que esteja disponível. E essa preparação tem duas frentes principais: o desenvolvimento da Internet das Coisas e de apps para dispositivos móveis.


Internet das Coisas (IoT)


A internet das coisas será a grande vantagem trazida pela conexão 5G. Para quem não está familiarizado com o termo, internet das coisas (IoT na sigla em inglês) se refere à quantidade cada vez maior de objetos, como relógios, televisões, carros e até eletrodomésticos como geladeiras e micro-ondas que podem ser conectados à internet.


A chegada do 5G permitirá a comunicação entre todos os dispositivos que possuam internet, já que a internet será mais rápida e capaz de suportar mais dados. O 5G será a tecnologia responsável pela criação de 'casas inteligentes', em que tudo está conectado entre si e com o smartphone dos moradores. A tendência para 2020 é que as empresas de tecnologia aprimorem os sensores necessários para que essa comunicação ocorra.


Apps preparados para 5G


A outra frente em que as empresas de tecnologia irão trabalhar será no desenvolvimento de aplicativos para smartphone que aproveitem os recursos do 5G.


Esses aplicativos serão importantes na medida em que um número cada vez maior de smartphones venham com a tecnologia 5G disponível. A previsão é que sejam desenvolvidos aplicativos com muito apelo estético, predominância de vídeos e rapidez cada vez maior na venda de produtos.


E aí, ficou ansioso para a chegada do 5G? Quer saber mais sobre tecnologia e desenvolvimento de software? Não deixe de ler mais textos no nosso blog.

15 visualizações

Av. Avelino Talini, 171 

Lajeado/RS

CEP 95914014

  • Ícone cinza LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
icon-whatsapp.png

+55 (11) 4300-1049

+55 (51) 3714-7050

© 2019 por Retta TI